Novos produtos The Chord Company.

Cabo de corrente Chord Shawline

Chord power shawline schuko

Chord power shawline schuko

Chord power shawline iec

Chord power shawline iec

Um cabo de corrente de altas especificações, desenhado, construído e rigorosamente testado no Reino Unido.

Uma versão actualizada e retrabalhada da versão anterior, agora com cabos mais grossos e entrelaçados e protegidos por uma malha com filamentos também mais espessos.

Este cabo foi feito para uso em componentes Hi-fi e audiovisuais. E com a ideia de melhorar a performance desses mesmos componentes. A sua blindagem única significa que pode melhorar a qualidade de imagem em tv’s e projectores.

Especificações:
– Condutores de cobre altamente puro entrelaçado 3 x 2mm2 emparelhados.
– Isolamento interno e externo em pvc com alto índice de damping mecânico.
– Dupla camada combinada (malha e folha) de protecção de altas frequências
– Revestimento exterior de alta densidade e resistente a vibração.
– Terminado com fichas IEC de 16A e Schuko. Tamanhos standard de 1, 1,5 e 2m.
– Este modelo vem completar a gama Shawline de cabos analógicos, digitais, interligação, auscultadores e coluna.

Peçam aos Vossos fornecedores de hifi habituais para os experimentar.

 

Fichas ChromOhmic

As novas fichas ChromOhmic para cabo de coluna banhadas a prata, foram desenhadas para trazer os benefícios da prata a todos os cabos de coluna. As novas fichas estarão disponíveis nas versões para cravar e aparafusar.

fichas Chord ChromOhmic

fichas Chord ChromOhmic

Estarão disponíveis em banana e forquilha.

Já há muitos anos a Chord tem usado condutores de cobre banhados a prata. Estes são finalizados com fichas também banhadas a prata. Usar prata nos condutores pode ser mal compreendido por muitos, pois ainda está muito associada a ideia que a prata pode implicar um som demasiado “brilhante”. Na Chord acham que essa característica se deve mais aos fracos materiais usados no isolamento do que à prata. A excepção a esta filosofia tem sido as fichas Chord banhadas a ouro.

Porque não ouro?

Apesar do ouro ser geralmente aceite como o melhor acabamento para fichas de alta qualidade, a sua melhor característica é a sua resistência à corrosão. Na experiência da Chord, o cliente também associa o ouro a performance e qualidade devido ao seu alto valor comercial. A matéria torna-se mais complicada quando se trata de outros materiais usados pela industria para terminações (ex: rhodium, cobre, latão, e níquel) cada um com preços bem dispares e performances apregoadas de diferentes níveis.

Ciência, estatísticas e no nosso entender desinformação.

Ouro é de facto o 3º melhor material condutor disponível. É superado pelo cobre (140% melhor) e prata (148% melhor). Melhor condutividade significa menos resistência por isso menos perda de sinal. Menos perda de sinal significa melhor performance. Como nos diz a lei de ohm. Daí o nome das novas fichas.

Apesar do cobre puro ser um bom condutor, à temperatura ambiente, é muito susceptível à oxidação e perde a sua conductividade drasticamente. Banhar o cobre evita este processo. Material usado para o banho inclui (latão 25% tão bom quanto ouro), níquel (33% tão bom quanto ouro) e rhodium (50% tão bom quanto ouro)

Decididamente, o banho a prata faz mais sentido do ponto de vista eléctrico, confere uma qualidade áudio superior nos testes efectuados quando comparados com fichas banhadas a ouro.

E as manchas?

É um erro comum pensar que porque a prata oxida é um pobre conductor. A verdade é que a prata só oxida a 170ºC. o que acontece é que se mancha a temperatura ambiente reagindo com enxofre no ar. Apesar de não ficar com bom aspecto, a nível eléctrico é menos preocupante.

As manchas (normalmente sulfeto de prata) são um material suave e de fácil remoção. O diagrama em baixo ilustra o facto de não interessa o quanto perfeito uma ficha aparenta a olho nu, a nível microscópico é bastante rugoso. Isso são pontos bastante limitados ao nível de contactos mesmo sujeitos a grandes forças. Simplesmente por ligar e desligar uma ficha, é possível limpar os pontos de contacto. Assegure-se que todos os equipamentos estão desligados ao efectuar esta operação.

Fichas beneficiarão bastante com limpezas. Use um bom limpa contactos.

Acima: A figura de cima mostra uma ligação com fraca compressão. A figura de baixo mostra a deformação da ficha do cabo com a ficha da coluna quando comprimidos. Esta compressão remove as manchas assim como aumentam a área de contacto.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Últimas criticas:

Shawline interligação e coluna na Hifi Choice de Abril “recommended”.

Cabo C-screen e Clearway “best Buy” na What Hi-fi? De Março.

Tagged with →  
%d bloggers like this: